Programa Rolanda a Bola, de segunda à sexta às 7:00h

Técnico do Paysandu é demitido em pleno Carnaval

Foto: Fernando Torres/Paysandu)

Marquinhos Santos não é mais técnico do Paysandu para a sequência da temporada 2018. Após amargar quatro jogos sem vitórias, além de eliminação na Copa do Brasil, e conviver com a pressão da torcida bicolor, a diretoria optou por mudar o comando técnico da equipe.

Marquinhos chegou ao Paysandu no Campeonato Brasileiro da Série B, para substituir Marcelo Chamusca, na décima rodada da competição. Na Segundona, alternou bons e maus momentos, mas esteve sempre longe do principal objetivo do clube, de chegar na Série A 2018.

Em 2018, ficou sete jogos. Com carta branca para montar o elenco, Marquinhos novamente iniciou o trabalho sob desconfiança da torcida. A pressão aumentou após a eliminação na Copa do Brasil, na primeira fase, para o Novo Hamburgo-RS.

A gota d’água para a demissão foi o jogo contra o Interporto-TO, pela Copa Verde. Em partida “feia” tecnicamente, o Papão não conseguiu mostrar a superioridade esperada, causando grandes questionamentos a respeito do trabalho da comissão técnica, que, oficialmente, deixou o clube nesta segunda-feira (12).

Sob o comando do Paysandu, Marquinhos Santos teve 52% de aproveitamento neste ano.

“O clube agradece aos profissionais pelo trabalho, empenho e dedicação total em prol da defesa da camisa bicolor, que sempre foi honrada por ambos durante o período de aproximadamente oito meses em que estiveram no Estádio da Curuzu”, informou o PSC em nota, se referindo também ao auxiliar técnico Edson Borges, que se desligou juntamente com Marquinhos.

Fonte: DOL

Deixe uma resposta