quinta-feira, agosto 17Programa Rolanda a Bola, de segunda à sexta às 7:00h

Paysandu vence o Oeste e continua fora da Z4

wordpress themes https://i1.wp.com/rolandoabola.com.br/wp-content/uploads/2017/08/949339079.jpg?resize=128%2C85 128w, https://i1.wp.com/rolandoabola.com.br/wp-content/uploads/2017/08/949339079.jpg?resize=32%2C21 32w, https://i1.wp.com/rolandoabola.com.br/wp-content/uploads/2017/08/949339079.jpg?w=570 570w" sizes="(max-width: 300px) 100vw, 300px" />Paysandu desbancou o Oeste fora de casa, em uma partida que começou lenta, mas foi ganhando forma até culminar com uma vitória expressiva para o Papão, por 3 a 1. Rodrigo Sam marcou contra a própria equipe, no começo do primeiro tempo, com Bérgson aumentando a vantagem um pouco depois. Na segunda etapa, o Oeste diminui a diferença, mas Magno botou mais um rede e fechou o placar muito favortável para o Bicola.

A partida foi válida pela 20ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Paysandu se manteve fora da zona de rebaixamento, na 14ª posição da tabela. O resultado não fez tanta diferença para o Oeste, que se mantém logo acima do PSC, na 13ª posição. Contudo, essa foi a primeira vitória do Rubrão dentro da Arena Barueri, que não perdia em casa desde o começo do certame.

A partida começou lenta, com vários laterais para o Paysandu nos primeiro minutos. Sem grandes surpresas, o Oeste teve a posse de bola por muito tempo no começo do jogo. A disputa seguia morna, até um ataque fulminante do Papão que terminou de forma inesperada e positiva.

Aos doze minutos, Lucas Taylor avançou com muito perigo, em um gol praticamente certo, ficando de cara com o goleiro do Oeste. No desespero para tirar a bola, Rodrigo Sam acabou mandando a pelota para a própria rede e abrindo o placar para o adversário. Papão 1 x 0 Oeste.

O gol contra desestabilizou o Oeste, que começou a perder o fôlego. Bérgson queria fazer o seu e, após perder a chance em uma cobrança de falta, marcou um verdadeiro golaço, de fora da área, aos 29 minutos. O goleiro Rodolfo se esticou todo, mas não foi páreo para a bomba precisa do atacante, que mandou no ângulo esquerdo do Rubrão.

Na segunda etapa, o Paysandu já se sentia a vontade em campo, com seus dois gols de vantagem. Contudo, em uma falha da zaga, Robert conseguiu marcar o primeiro gol válido para o Oeste na partida, aos 17 minutos.

Aos 22 minutos, Magno entrou em campo no lugar de Rodrigo e já deixou sua marca na vitória do papão. Aos 23 minutos, ele recebeu um passe de Gualberto e balançou a rede, fazendo o terceiro gol do Papão.

O PSC ainda enfrentou um duro lance, em um pênalti não marcado. O goleiro Rodolfo derrubou Magno dentro da área, aos 30 minutos, mas o árbitro Nielson Dias não marcou a penalidade. O jogo seguiu então, com mais investidas de ambas as equipes. Perí ainda atacou bastante, mas não era seu dia de marcar e o jogo terminou com 3 a 1 para o Papão.

Ficha técnica (Oeste 1 x 3 Paysandu)

Oeste: Rodolfo, Rodrigo Sam (Henrique), Joilson, Leandro Amaro, Guilherme Romão (Raphael Luz), Lídio, Velicka (Alexandro), Mazinho, Danielzinho, Gabriel Vasconcelos e Robert

Paysandu: Emerson, Lucas Taylor, Fernando Lombardi, Gualberto, Perí, Nando Carandina, Augusto Recife (Rodrigo Andrade), Renato Augusto, Rodrigo (Magno); Bérgson (Diego Ivo) e Marcão

Gols: Rodrigo Sam (contra) 12′ 1º T/ Bérgson 29′ 1ºT (Paysandu)/ Robert 17′ 2º T (Oeste) /Magno 23′ 2º T  (Paysandu)

Local: Arena Barueri, São Paulo (SP)

Árbitro: Nielson Nogueira Dias

Auxiliares: Francisco Chaves Bezerra Junior e Ricardo Bezerra Chianca

 

Ormnews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.