quarta-feira, dezembro 13Programa Rolanda a Bola, de segunda à sexta às 7:00h

Paysandu perde para o Brasil de Pelotas na Curuzu

O Brasil de Pelotas praticamente garantiu a permanência na Série B do Campeonato Brasileiro ao vencer o Paysandu por 3 a 2, na noite deste sábado, diante de quase dez mil pessoas no estádio da Curuzu, em Belém (PA). A partida foi válida pela 35.ª rodada e teve o atacante Cassiano como o grande destaque ao marcar dois gols.

Essa foi a segunda vitória seguida do Brasil de Pelotas, que chegou aos mesmos 45 pontos do Paysandu, saltando para a décima colocação graças ao número de vitórias (13 contra 12). O time paraense é o 11.º colocado e não conseguiu afastar de vez o risco de rebaixamento. A diferença para o Luverdense, primeiro do Z4, é de cinco pontos.

A partida deste sábado começou bastante movimentada, com os dois times criando chances. Até que, aos 23 minutos, Ednei cobrou falta e contou com uma falha do goleiro Emerson para abrir o placar. O gol do Brasil acordou o Paysandu, que criou pelo menos quatro boas oportunidades antes de empatar aos 45 minutos. Guilherme Santos levantou e Bergson cabeceou no cantinho para deixar tudo igual.

O Paysandu quase virou na volta do intervalo em chute forte de Ayrton, mas quem marcou foi o time gaúcho. Aos 12 minutos, Breno cruzou rasteiro, Emerson não tirou e Cassiano completou de carrinho para o gol aberto. Parte dos refletores ficou sem luz aos 30 minutos e o árbitro paralisou a partida por 15 minutos.

Aos 46 minutos, Breno chutou, a defesa não conseguiu tirar e Cassiano ampliou. O Paysandu ainda diminuiu com Juninho, aos 58 minutos, mas já era tarde demais para uma reação.

Os dois times voltam a campo na próxima terça-feira, pela 36.ª rodada. O Paysandu enfrenta o Ceará, às 21h30, na Arena Castelão, em Fortaleza, enquanto o Brasil de Pelotas recebe o ABC, às 20h30, no estádio Bento Freitas, em Pelotas.

FICHA TÉCNICA

PAYSANDU 2 X 3 BRASIL DE PELOTAS

PAYSANDU – Emerson; Ayrton, Perema, Diego Ivo (Rafael Dumas) e Guilherme Santos; Renato Augusto, Augusto Recife, Rodrigo Andrade (Juninho) e Diogo Oliveira (Magno); Caion e Bergson. Técnico: Marquinhos Santos.

BRASIL DE PELOTAS – Marcelo Pitol (Carlos Eduardo); Ednei, Leandro Camilo, Teco e Breno; Leandro Leite, Itaqui (João Afonso), Cassiano, Calyson (Aloísio) e Misael; Lincom. Técnico: Clemer.

GOLS – Ednei, aos 23, e Bergson, aos 45 minutos do primeiro tempo; Cassiano, aos 12 e aos 46, e Juninho, aos 58 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Rodrigo Batista Raposo (DF).

CARTÕES AMARELOS – Augusto Recife (Paysandu); Lincom, Misael e Ednei (Brasil de Pelotas).

RENDA – R$ 147.720,00.

PÚBLICO – 8.359 pagantes (9.839 total).

LOCAL – Estádio da Curuzu, em Belém (PA).

Fonte: UOL