terça-feira, dezembro 12Programa Rolanda a Bola, de segunda à sexta às 7:00h

Papão é condenado a pagar R$ 93 mil a ex-volante Sandro

Longe dos gramados, o Paysandu conquistou, na manhã desta sexta-feira, uma importante vitória. Na 13ª vara da Justiça do Tribunal Regional do Trabalho, o clube foi condenado a pagar R$ 93.282,10 para o ex-volante Sandro, que tem diversas passagens pelo Papão na última década. O resultado da audiência é considerado uma vitória se levado em consideração o valor inicial pedido pelo ex-atleta, cerca de R$ 1,5 milhão. Além disso, o juiz Jorge Antônio Ramos isentou o ex-presidente Luis Omar Pinheiro de ter que pagar parte da dívida como devedor solidário, como estava no processo movido por Sandro, e, por isso, não terá que pagar nada ao ídolo bicolor.

O resultado do julgamento foi comemorado por Luis Omar Pinheiro. O ex-presidente ficou a frente do clube de 2007 até o final de 2012, sendo responsável pelo retorno de Sandro ao Paysandu em 2010, após temporadas no Grêmio e no Sport. LOP afirma que, acima de tudo, é uma vitória do Paysandu.
globoesportepará