segunda-feira, dezembro 11Programa Rolanda a Bola, de segunda à sexta às 7:00h

Galo vence o Olimpia nos pênaltis e conquista a Libertadores

Vencer, vencer, vencer. Este é o nosso ideal. A letra do hino do Atlético Mineiro nunca se apresentou de maneira tão convincente como nesta quarta-feira. Em seus 105 anos de história, o Galo viveu sua noite mais importante. Em 90 minutos da mais pura emoção, a equipe de Cuca conseguiu vencer por 2 a 0 e levar o jogo para prorrogação e, em seguida, para os pênaltis. 
No decorrer da semana, o próprio treinador profetizou. Com o Galo, tudo é no sofrimento. E nos pênaltis (4 a 3), o Galo se tornou o mais novo dono da América! É campeão! Contou novamente com a estrela de Victor que assim como nos jogos contra Tijuana e Newell’s Old Boys teve a missão de sair como protagonista.
Se em campo o Atlético-MG fez sua parte, fora dele a massa atleticana teve colaboração importante. Foi com este apoio que os torcedores receberam Victor, Michel, Réver, Leonardo Silva, Júnior César, Pierre, Josué, Ronaldinho, Bernard e Diego Tardelli e Jô. Nas arquibancadas, a frase que se tornou um mantra para todo atleticano foi sendo formada aos poucos em um mosaico que preencheu todo o Gigante da Pampulha: Galo, Yes, We CAM.
FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-MG 2 (4) X (3) 0 OLIMPIA
Local: Mineirão, Belo Horizonte (MG)
Data/hora: 24/07/2013, às 21h50
Árbitro: Wilmar Roldan (COL)
Auxiliares: Humberto Clavijo e Eduardo Ruiz
Cartões amarelos: Bernard,Luan (CAM), Benítez, Manzur, Silva e Giménez(OLI)
Cartões vermelhos: Manzur (OLI)
Público/Renda: 58.620 pessoas/R$14.176.000
GOLS:  Jô, 1’2ºT (1-0) e Leonardo Silva, 41’2ºT (2-0)

ATLÉTICO-MG: Victor, Michel (Alecsandro, 26’2ºT), Réver, Leonardo Silva e Júnior César; Pierre (Rosinei, intervalo), Josué, Ronaldinho, Bernard; Diego Tardelli (34’2ºT) e Jô. Técnico: Cuca

OLIMPIA: Martín Silva; Salustiano Candía, Manzur, Ricardo Mazacotte, Hermínio Miranda e Benítez; Eduardo Aranda, Wilson Pittoni, Alejandro Silva (Giménez, 25’2ºT), Juan Manuel Salgueiro (Baez, 37’2ºT) e Fredy Bareiro (Ferreyra, intervalo). Técnico: Ever Almeida.

 LANCENET!