sábado, outubro 21Programa Rolanda a Bola, de segunda à sexta às 7:00h

Eliminatórias

Com times sul-americanos, chegam a 23 as seleções classificadas à Copa de 2018

Com times sul-americanos, chegam a 23 as seleções classificadas à Copa de 2018

Eliminatórias
Os nove jogos que fecharam a décima e última rodada das Eliminatórias europeias para a Copa de 2018, nesta terça-feira, definiram as duas últimas seleções que vão direto ao Mundial na Rússia, além de determinarem quais as oito equipes que disputarão a repescagem em busca das últimas quatro vagas do Velho Continente, em novembro. Em outro jogo desta tarde, a Grécia se garantiu entre os oito times da repescagem ao vencer Gibraltar por 4 a 0, gols de Vassilios Torosidis, Konstantinos Mitroglou duas vezes e Giannis Gianniotas, e chegar aos 19 pontos no Grupo H. Nas outras partidas, os resultados foram: Bélgica 4 x 0 Chipre; Estônia 1 2 Bósnia e Herzegovina; Hungria 1 x 0 Ilhas Faroé; Letônia 4 x 0 Andorra; Luxemburgo 1 x 1 Bulgária. Na América do Sul, Uruguai, Argentina, Colômbia se junt
Eles também vão; Messi assume a responsabilidade e coloca a Argentina na Copa do Mundo

Eles também vão; Messi assume a responsabilidade e coloca a Argentina na Copa do Mundo

Eliminatórias
Quando a seleção da Argentina se viu sem alternativas, Lionel Messi mostrou sua genialidade. Com três gols, o 10 do Barça transformou a situação de sua seleção e colocou a Albiceleste na próxima edição da Copa do Mundo.Logo com um minuto de jogo, o cenário que começava difícil ficou ainda mais tenso para os visitantes quando, após tabela dentro da grande área, Romario Ibarra bateu na saída de Sergio Romero fez 1 a 0 Equador. Demonstrando visível nervosismo, a Argentina simplesmente não conseguia fazer com que seu jogo fluísse, tomando uma intensa pressão dos donos da casa. Porém, foi o momento de Lionel Messi entrar em ação para recolocar a Albiceleste na disputa. Após jogada criada pelo lado direito do ataque, o cruzamento encontrou a chegada do 10 da Argentina e do Barcelona, que t
Com dois de Jesus, Brasil vence no Allianz Parque e tira Chile da Copa

Com dois de Jesus, Brasil vence no Allianz Parque e tira Chile da Copa

Eliminatórias
O Brasil encerrou em grande estilo a sua participação nas Eliminatórias: com um gol de Paulinho e dois de Gabriel Jesus em sua volta ao Allianz Parque, venceu por 3 a 0 e deixou o Chile fora da Copa do Mundo de 2018. A Seleção fez 41 pontos, sendo 32 nos 12 jogos com Tite (dez vitórias e dois empates). Com sete jogos a menos, o treinador pontuou mais do que todos os outros times da competição. Os chilenos terminaram em sexto: fizeram os mesmos 26 pontos do Peru, quinto colocado e qualificado para a repescagem, mas perderam no saldo de gols. Uruguai, Argentina e Colômbia também vão direto para a Rússia. Tanto brasileiros, despreocupados e com a vaga assegurada há tempos, quanto chilenos, muito mais tensos, inflamaram a arena do Palmeiras assim que a bola rolou. Não por causa de um gol
Argentina pressiona, mas fica no empate contra o Peru

Argentina pressiona, mas fica no empate contra o Peru

Eliminatórias
A comissão técnica de Jorge Sampaoli pediu a Argentina na La Bombonera, mas de nada adiantou. Em mais uma partida sem muita criatividade de Lionel Messi e cia, a albiceleste não saiu do zero contra o Peru e ainda por cima caiu para a sexta colocação nas Eliminatórias. Já os peruanos, ficam na quinta colocação. Na próxima rodada, a Argentina encara o Equador, em Quito. Já a seleção peruana decide diante da Colômbia, em Lima. Todos os jogos acontecem na terça-feira. ARGENTINA 0 X 0 PERU Local: La Bombonera, Buenos Aires (ARG) Data-Hora: 05/10/2017 – 20h30 Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (BRA) Auxiliares: Bruno Boschilia(BRA) e Kléber Lúcio Gil (BRA) Público/renda: pagantes/ Cartões amarelos: Biglia (ARG), Tapia, Farfán, Guerrero (PER) Cartões vermelhos: – Gols: ARGENTINA:Romer
Brasil bombardeia Bolívia na altitude, mas para em goleiro milagreiro

Brasil bombardeia Bolívia na altitude, mas para em goleiro milagreiro

Eliminatórias
Os mais de 3.600m de altitude de La Paz não diminuíram o ímpeto da seleção brasileira de Tite. Com o pé no acelerador durante a maior parte do jogo, o Brasil bombardeou a Bolívia, mas acabou esbarrando na defesa adversária e não conseguiu sair de um empate por 0 a 0. Com isso, o Brasil não conseguirá mais igualar a melhor campanha da história das eliminatórias, que seguirá nas mãos da Argentina, com 43 pontos antes da Copa de 2002. Muito por conta do péssimo início, claro. Afinal de contas, com Tite, o Brasil somou 29 dos 38 pontos que tem agora. E isso em apenas 11 jogos – um aproveitamento incrível de quase 88%. E, apesar do empate, a seleção mais uma vez deixou uma impressão bastante positiva nesta quinta-feira. Dominou a posse de bola e criou várias chances de gol, mesmo tendo
Brasil  escalado para o jogo contra Bolivia nesta quinta-feira às 17h

Brasil escalado para o jogo contra Bolivia nesta quinta-feira às 17h

Eliminatórias
Tite não é adepto do mistério. Foi assim mais uma vez nesta terça-feira. Depois de indicar o time titular no treino realizado na Granja Comary, em Teresópolis, o treinador confirmou a escalação para enfrentar a Bolívia pelas eliminatórias, nesta quinta-feira, com o retorno de Philippe Coutinho e as entradadas de Thiago Silva e Alex Sandro. O treinador da seleção brasileira foi além e avisou: o goleiro Ederson será titular contra o Chile, no dia 10 de outubro, em São Paulo, na última rodada das eliminatórias para a Copa de 2018, na Rússia. BOLÍVIA X BRASIL Local: Estádio Hernando Siles, em La Paz. Data e horário: quinta-feira, às 17h (de Brasília). Provável escalação: Alisson, Daniel Alves, Thiago Silva, Miranda e Alex Sandro; Casemiro; Paulinho, Renato Augusto, Philippe Coutinho
Diego é cortado da Seleção, e Tite opta por não convocar substituto

Diego é cortado da Seleção, e Tite opta por não convocar substituto

Eliminatórias
Diego permaneceu por poucas na Granja Comary. Desembarcando em Teresópolis depois de participar do confronto entre Flamengo e Ponte Preta, nesta segunda-feira, em Campinas, o meia rubro-negro acabou cortado da Seleção Brasileira por conta de dores musculares na coxa direita. Diego foi um dos últimos atletas a chegarem na Granja Comary, junto com Miranda, zagueiro da Inter de Milão. Em conversa com o corpo médico da CBF, o meio-campista revelou o incômodo e foi examinado. "Realizamos exame de imagem e confirmamos uma pequena lesão muscular que o impede de participar do período de convocação", disse Rodrigo Lasmar, médico da Seleção Brasileira. Para estas duas últimas rodadas das Eliminatórias Sul-Americanas, o técnico Tite optou por convocar 24 jogadores, um a mais que o habitual. Justam
Com tardelli e Diego e novato Arthur, Tite convoca a Seleção Brasileira

Com tardelli e Diego e novato Arthur, Tite convoca a Seleção Brasileira

Eliminatórias
Na antepenúltima convocação antes de anunciar os 23 da Copa do Mundo, Tite surpreendeu. Nas partidas contra Bolívia e Chile, nos dias 5 e 10 de outubro, pelas eliminatórias, a seleção brasileira terá quatro jogadores chamados pela primeira vez pelo atual técnico: o lateral-direito Danilo (Manchester City), os volantes Arthur (Grêmio) – estreante na Seleção – e Fred (Shakhtar Donetsk), e o atacante Diego Tardelli (Shandong Luneng). O meia Diego, do Flamengo, também está de volta. Sem maiores explicações, Tite convocou 24 atletas dessa vez, um a mais do que o habitual. Em relação à última convocação, entraram Danilo, Jemerson, Arthur, Fred, Diego e Diego Tardelli, e saíram Fagner, Rodrigo Caio, Giuliano, Luan e Taison. Entre os ausentes, Fagner e Giuliano haviam estado presentes em